DEPARTAMENTO DE FÍSICA

 

História das Ideias em Física - EFQ

Ano letivo: 2012-2013
Especificação técnica - ficha curricular

Elementos especificos
código da disciplinaciclo de estudossemestre lectivocréditos ECTSlíngua de ensino
2003257213pt *)

*) N.B.  se houver estudantes que não falem português a língua é o inglês.

Objectivos formativos
Conhecer conteúdos específicos na área de estudo
Conhecer de fontes primárias e secundárias da História da Ideias
Conhecer os diferentes meios de disseminação das ideias científicas
Conhecer a evolução dos instrumentos científicos e das técnicas experimentais
Relacionar o desenvolvimento científico com os aspectos sociais e tecnológicos
Usar recursos diversificados em estratégias de ensino/aprendizagem
Relacionar o desenvolvimento das ideias em Física com a evolução do ensino
Tratar documentos históricos e usá-los no contexto educativo
Programa genérico mínimo
1.Aspectos do desenvolvimento das ciências Físico Matemáticas nos séculos XVII e XVIII
2.As ciências Físico Matemáticas em Portugal no século XVII
3.As ideias em Física na literatura científica no século do iluminismo
4.As Ciências Físico Matemáticas no contexto do ensino nos séculos XVIII e XIX
5.A evolução dos instrumentos científicos nos séculos XVIII e XIX
6.A Física em Portugal nos séculos XVIII e XIX
Pré-requisitos
Competências genéricas a atingir
. Competência em análise e síntese;
. Competência em comunicação oral e escrita;
. Competência em gestão da informação;
. Competência em aprendizagem autónoma;
. Competência em investigar;
. Competência em organização e planificação;
. Competência em trabalho em grupo;
. Competência para comunicar com pessoas que não são especialistas na área;
. Preocupação com a qualidade;
. Competência em aplicar na prática os conhecimentos teóricos;
(por ordem decrescente de importância)
Horas lectivas semestrais
aulas teóricas30
total horas lectivas30

Método de avaliação
Trabalho de síntese30 %
Trabalho de investigação30 %
Exame40 %

Bibliografia de referência
Rómulo de Carvalho: Colectânea de estudos históricos (1953-1994) : cultura e actividades científicas em Portugal. Évora : Universidade, 1997
Rómulo de Carvalho: História do ensino em Portugal : desde a fundação da nacionalidade até ao fim do regime de Salazar - Caetano. Lisboa : Fund. Calouste Gulbenkian, imp. 1986
Rómulo de Carvalho: A astronomia em Portugal no século XVIII. Lisboa : ICALP, 1985
Rómulo de Carvalho: História do Gabinete de Física da Universidade de Coimbra : desde a sua fundação, 1772, até ao jubiléu do professor italiano Giovanni Antonio dalla Bella. Coimbra : Universidade, 1978.
Rómulo de Carvalho: A física experimental em Portugal no século XVIII. Lisboa : Inst. de Cultura e Língua Portuguesa, 1982
Décio R. Martins: Aspectos da Cultura Científica Portuguesa até 1772. Coimbra. Dep. Física. 1997.
Método de ensino
Esta unidade curricular visa dotar o estudante com conhecimento indispensável sobre as ideias em Física, tendo em vista a formação dos estudantes na componente relativa à evolução do pensamento científico. Diversas culturas contribuíram para uma compreensão progressivamente mais perfeita dos fenómenos da natureza, tendo a Física assumido um papel destaque.
As explicações científicas obedecem a certos critérios, devendo ser consistentes com as evidências experimentais e observações dos fenómenos da natureza. Pretende-se, com esta unidade, sensibilizar os estudantes para a natureza do conhecimento, bem como da evolução das teorias científicas. A História das Ideias em Física é apresentada como um empreendimento humano, resultante do contributo individual e de comunidades científicas que também reflectem as preocupações sociais e éticas de uma determinada época.
Sendo Portugal um país da periferia da Europa, serão analisados os principais meios de difusão do conhecimento científico e da receptividade da novas ideias. Um aspecto relevante é o da influência do processo evolutivo do pensamento científico no contexto do ensino nas diferentes épocas.
O Departamento de Física da Universidade de Coimbra possui uma excelente colecção de instrumentos científicos dos séculos XVIII e XIX serão analisados alguns aspectos do desenvolvimento dos instrumentos e das técnicas experimentais deste período.
A biblioteca do Departamento de Física possui também de um notável fundo bibliográfico antigo, o que possibilita aos estudantes a análise algumas fontes históricas primárias. Neste sentido serão promovidas actividades de pesquisa, das quais resultarão a apresentação de trabalhos escritos e apresentações orais. Esta estratégia permitirá fomentar as relações interpessoais e o trabalho em equipa. Deste modo pretende-se desenvolver competências de investigação, gestão da informação, organização e planificação, síntese, para além da comunicação oral e escrita na língua mãe.
Recursos específicos utilizados
Para a concretização do programa de ensino serão necessários meios audiovisuais e computadores.
Recorrer-se-á também à colecção de instrumentos de Física dos séculos XVIII e XIX, bem como ao fundo bibliográfico antigo pertencentes ao Departamento de Física da Universidade de Coimbra.