DEPARTAMENTO DE FÍSICA

 

Física Geral II - EA

Ano letivo: 2011-2012
Especificação técnica - ficha curricular

Elementos especificos
código da disciplinaciclo de estudossemestre lectivocréditos ECTSlíngua de ensino
1003188126pt


Objectivos formativos

- Reconhecer e utilizar conceitos e princípios básicos da Física, estimulando a sua ligação ao estudo dos sistemas com interesse para a engenharia do ambiente. Analisar, sintetizar e processar informação.

- Saber utilizar as metodologias e as técnicas adequadas em Física, aplicando-as em situações e em sistemas com interesse para a engenharia do ambiente.

- Reconhecer a importância da física na interpretação e explicação de fenómenos da área das ciências da engenharia, em particular, e da ciência e da tecnologia, em geral.

- Preparar, processar, interpretar e comunicar informação física, utilizando fontes bibliográficas pertinentes, discurso adequado e as ferramentas apropriadas.

Programa genérico mínimo

OSCILAÇÕES E ONDAS
Movimento harmónico simples (MHS)
Ondas progressivas e estacionárias.
Ondas transversais e longitudinais.
Reflexão, refracção e absorção.
Ondas sonoras; sons e ultra-sons.
Efeito Doppler.

ELECTROMAGNETISMO
Carga eléctrica e lei de Coulomb.
Campo eléctrico e potencial eléctrico.
Condutores, isoladores e dieléctricos.
Corrente eléctrica, lei de Ohm e circuitos de corrente contínua.
Condensadores e circuitos RC.
Campo magnético. Fontes de campo magnético. Indução eléctrica e magnética.
Indutores e circuitos RLC.

TERMODINÂMICA
Linguagem da Termodinâmica. Temperatura e Lei Zero.
Equações de estado. Gás ideal.
Processos quase estáticos e diagramas PV
Trabalho termodinâmico de configuração
Calor, trabalho, energia interna e Primeira Lei da Termodinâmica.
Coeficientes térmicos (coeficiente de dilatação, compressibilidade, etc.). Exemplos práticos.
Capacidades térmicas (a pressão constante e a volume constante). Transferências de calor por radiação, condução e convecção.
Processos cíclicos.
Máquinas térmicas e máquinas frigoríficas. Rendimento e eficiência de máquinas.


Pré-requisitos
Competências genéricas a atingir
. Competência em análise e síntese;
. Competência para resolver problemas;
. Competência em raciocínio crítico;
. Competência em aprendizagem autónoma;
. Competência em aplicar na prática os conhecimentos teóricos;
. Competência em organização e planificação;
. Competência em comunicação oral e escrita;
. Competência em gestão da informação;
. Adaptabilidade a novas situações;
. Criatividade;
(por ordem decrescente de importância)
Horas lectivas semestrais
aulas teóricas45
aulas teórico-práticas22.5
total horas lectivas67.5

Método de avaliação
Exame100 %

Bibliografia de referência

H. Benson, University Physics, John Wiley & Sons, Revised edition, New York (1995)
D. C. Giancoli, Physics for Scientists and Engineers, 3rd ed., Prentice Hall, New York (2000)
D. Halliday e R. Resnick, Fundamentos de Física, Livros Técnicos e Científicos, Rio de Janeiro (1985)
D. Halliday, R. Resnick e K.S. Krane, Physics, 5th Ed.
J.W. Kane, M.M. Sternheim, Physics, 3rd ed. John Wiley & Sons, New York (1988)
J.B. Marion e W.F. Hornyak, General Physics with Bioscience Essays, John Wiley & Sons, 2nd Ed., New York (1985)
F. Sears, M.W. Zemansky e H.D. Young, Física, 2ª ed., Livros Técnicos e Científicos, Rio de Janeiro (1985)
P.A. Tipler, Física para cientistas e engenheiros, 3ª ed., Editora Guanabara Koogan Rio de Janeiro (1994)



Método de ensino


Ensino expositivo com referências constantes aos sistemas físicos cuja descrição mais possa interessar aos alunos de engenharia do ambiente. Será enfatizada a referência a situações do dia a dia que podem ser explicadas recorrendo aos conceitos da física que se aprendem na disciplina. Procurar-se-á desta forma ilustrar a utilidade e a importância da física como disciplina estruturante em cursos de ciências e de tecnologias.








Recursos específicos utilizados